oração coletiva parte 2 final.

Discussion in 'Português - Portuguese' started by max1411, Apr 26, 2008.

  1. max1411
    Offline

    max1411 New Member

    Joined:
    Apr 25, 2008
    Messages:
    3
    Likes Received:
    0
    Trophy Points:
    0
    Gender:
    Male
    Ratings Received:
    +0 / 0
    Como Se Faz a Oração Coletiva

    Condições necessárias para ser Imam:

    Se você faz parte de um grupo e tem de fazer a oração, terá que orar coletiva e não individualmente.
    Aquele dentre vocês que for mais versado na leitura do Livro de Deus dirigirá a oração. Se todos forem igualmente versados na leitura do Livro de Deus, então, aquele que conhecer melhor as tradições do Mensageiro de Deus e as compreender melhor será o Imam.
    Se ainda assim estiverem todos no mesmo nível quanto a isto, o Imam será o mais velho dentre vocês. Contudo, nas mesquitas, os imames já estão escolhidos, e são eles que se adiantam para conduzir a oração. Uma vez designado o Imam, este se apresenta para conduzir a oração. Ele se põe de pé, diante de todos, na ponta do eixo vertical das filas. Antes de começar a oração, deve observar as filas e verificar se elas estão retas e cerradas, porque esta é uma das condições essências para a perfeição da oração coletiva.
    Depois do segundo chamado à oração (Iqáma), o Imam diz a fórmula da entrada no domínio sagrado da oração (takbiratl ihram), a saber, Alláh Akbar, levando as mãos à altura das orelhas. Começa assim a oração e os demais o acompanham, em tudo que dizer. Deve acompanhá-lo, jamais se adiantando a ele ou intervindo ao mesmo tempo que ele.

    O Imam lê em voz alta as orações que se irão ler em voz alta e em voz baia os demais.
    Aquele que ora atrás do Imam, ao recitar Al-fatiha deverá fazê-lo em voz baixa, em todas as orações.
    A oração coletiva pode ser realizada mesmo que seja com apenas duas pessoas participando, e mesmo que uma delas seja uma criança ou uma mulher. Se você quiser fazer a oração coletiva com outra pessoa, aquele dos dois que fizer a parte do Imam por-se-á de pé o outro se posicionará à sua direita, à mesma altura. Se uma terceira pessoa se juntar a vocês, a segunda deverá dar uns passos para trás e a terceira deverá enfileirar-se com ela. Formarão, assim, uma fila atrás do Imam, posicionando a direita e a esquerda deste. Se os dois últimos se puserem, por desconhecimento, ao mesmo do Imam, um à sua direita e outro a sua esquerda, este deve afastá-los suavemente, com as mãos, para trás, para que eles formem uma fila. Se os que estão praticando a oração em comum não são mais que dois e um deles é uma mulher, esta se põe atrás do Imam, e não a direita.
    Admite-se ao jovem, capaz de distinguir entre o bem e o mal, dirigir a oração obrigatória dos homens, caso ele conheça e compreenda melhor que estes as coisas da religião. Aquele que chega a tempo de acompanhar o Imam em uma única genuflexão, tem a mesma recompensa que aquele que fez a oração coletiva completa.
    Aquele que chegar atrasado, estando o Imam bem adiantado na oração, e tendo já pronunciado o taslim final, deverá repor o que faltou em sua oração, pondo-se de pé, sem dizer nada, e pronunciando no final, o taslim.
    É uma tradição o Imam abreviar a oração (não prolongar demasiado a leitura), porque, entre o que estão orando, poderá há ver alguém fraco, incapacitado ou que tenha alguma necessidade urgente.
    Essa abreviação concerne unicamente ao que se lê depois da Al-fatiha. No que se refere à inclinação e à prostração, ou á posição sentada, deve fazê-lo pausadamente, pois se não cumprir o tempo necessário para cada parte, diminuirá o valor da oração. O que fazem algumas imames hoje em dia, assim como algumas pessoas, é que ao se apressarem tanto nas orações, assemelham-se ao saltitar de um galo, anulando-a. Isto não é permitido, pois a oração sem devoção não é valida.
    O homem não deve orar, estando sozinho atrás de uma fila. Se, ao chegar, encontrar completas todas as filas, não restando nenhum espaço nela, deverá atrair, sutilmente, para si, um dos que estão orando à sua frente, para formar uma nova fila, mais atrás.
    A oração daquele que ora sozinho atrás do Imam não tem validade. Não é permitido àquele que foi censurado por libertinagem, ignorâncias, ou é detestado pelas pessoas virtuosas, conduzir a oração. Este deve retirar-se, e dar lugar a alguma pessoa, entre os homens de entendimento virtuoso, que tem mais valor do que ele.
    Não se pode nomear Imam senão àquele que sejam os mais dignos e correspondam melhor às condições necessárias as desempenho desta função.
    Saibamos eleger nossos imames dentre os melhores de nós.
    Ibn Abbás narra: O Mensageiro de Deus (Deus o abençoe e lhe dê paz) disse:

    “Façam com que os melhores dentre vós sejam os vossos imames, porque eles serão os vossos delegados no que houver entre vós e o vosso Senhor”.

    Al-Hákim transmite esta tradição, em sua biografia:

    “Se vos agrada ver aceita a vossa oração, que ela seja presidida pelo melhor dentre vós, porque os vossos imames são os vossos delegados no que há entre vós e o vosso Senhor”.

Share This Page